Os Outros


Junto a minha alma há muitas outras
Por isso, peço sabedoria
Pois sem ela, quão difícil seria!

Pelos outros somos animados
Pelos outros somos massacrados
Me dá outros, oh Senhor
Outros com corações transbordantes de amor

Em uns me animo
Outros, simplesmente suporto
Outros não agüento
A esses, às vezes, em pecado, da minha atenção, aborto

Perdoa-me Senhor por amar do modo mais fácil
Por amar os mais empáticos
Por amar com o amor do incrédulo
Por amar sem teu amor reto

Autor: Jonathan Augustus

Comentários